Precisa de um tipo de letra? Precisa de uma fonte?

Julian Hensen – Designer

Segue um trabalho bem interessante que recebi de um colega de trabalho por email. Para a difícil e deliciosa escolha de um tipo de letra ao se começar um trabalho, tendão de aquiles para muitos designers. Mas vasculhando na internet encontrei este link [AQUI] para conhecer mais sobre a designer e seu trabalho.

Curtam pois eu vou lá estudar um pouco sobre ela agora mesmo…



{Aqui um exemplo pra escolhada fonte de um poster}

Aproveitem.

Abraços.

LPM/designer

Anúncios

Scooter design / holon institute of technology

Olhem que bacana. Apesar de Porto Alegre não ser assim tão plana, quem sabe as ladeiras e lombas ajudem pelo menos na descida. De qualquer forma eu queria uma de cada destas e de todas outras lá do post [+info].

'trekrider' por boaz zucker

'urban scooter' por daniel dayag

'flow' por dana ben nissan

Fonte: +info

Abraços.

LPM/designer

Whitespaces / Espaço em branco – entenda porque

Material da Apple sempre usa com muita propriedade os espaços em branco

Muitas vezes nos deparamos com situações (quem trabalha na arte e criação) com a grande vontade de resumir ao máximo o conteúdo e deixar o máximo de áreas em branco nos materiais. Isso é tão comum que começou a ironicamente ser chamado de “branco criativo”.

Na verdade este costume tem um significado, e não é por menos. Para muitos designers, tudo que não contribui em nada ou (se) caso descartado não fizer falta, deve ser descartado com certeza.

O espaço em branco dá leveza, clareza, é agradável. Mas nem sempre é possível utilizá-lo. Um exemplo bem grosseiro, se me permitam, é das páginas de classificados. Uma poluição visual. Todavia a quantidade de informação por centímetro quadrado é grande, e neste caso é o que se procura quando lá estamos.

Mas nosso foco é o extremo oposto. Quantas vezes tentamos criar materiais leves com grandes “áreas de respiro” (outro termo técnico bem usual) e que o cliente achou que dá pra inserir alí um texto que ele escreveu, ou uma promoção? Ou ainda cogitou em fazer um anúncio, folder ou flash menor para pagar menos (já que está sobrando espaço)? Inúmeras vezes.

O interessante é que todo designer profissional, invariavelmente, já traz na sua bagagem esta informação intrínseca. Nem sempre ele sabe explicar tão bem o porque gosta de usar, mas sabe como e se esforça para o mesmo. Por exemplo: um grande  espaço em branco traz a atenção para as poucas coisas que ali se encontram. imagine uma página inteira de um jornal com um feijão próximo ao centro? Você vai olhar diretamente para o feijão. Agora encha a página deles (feijões) – resultado: um amontoado de grãos que nem sei qual deles você olhou.

Esta é mais ou menos a lógica dos espaços em branco. Para ler uma matéria bem elaborada que pode explicar um pouco mais com bons exemplos, vá ao post descoberto pela Graphic River (traduzido pelo google) [+info] e acompanhe na integra. Vale muito a pena.

Fonte/Source: [+info]

Abraços.

LPM/designer

O futuro: AIRNERGY – energia sem fio

Depois da invenção da energia elétrica, pra mim o futuro e a maior das invenções seria a da energia transmitida sem fio. Já passei dias pensando em uma estação de energia em casa (no futuro) que alimente todos aparelhos pelo ar. Imagina o fio sumindo dos aparelhos (fios externos). Imagina não precisar mais de tomadas? Tudo seria emitido de uma poderosa estação em sua casa alimentada pela rede pública e que através de um sinal codificado alimentaria televisores, games, aparelhos de som, laptops, comutadores e quem sabe geladeiras, ferros elétricos e até recarregaría a bateria de seu carro elétrico (não mais gasolina, alcool, diesesl ou flex)? A minha loucura foi muito mais longe, mas pra resumir, coloco aqui a ponta do iceberg que começa a surgir. Pra mim, é a maior invenção dos últimos tempos, depois da Internet. Somente o tempo para que ela evolua e amadureça para o consumo público nos próximos anos.

PS.: A beira dos gramados de futebol nunca mais serão lembrados com aquele emaranhado de fios dos repórteres. Sonho com isto desde minha juventude quando frequentava assiduamente os jogos de meu time. Anos esperando por esta tecnologia.

SOBRE O AIRNERGY: “O Airnergy leva a energia criada por sinais de wi-fi e as armazena em uma bateria recarregável. Na CES, a bateria do dispositivo que, creio, foi pré-carregada com energia Wi-Fi, foi capaz de carregar um BlackBerry de energia de 30% a potência total em cerca de 90 minutos.”

Fonte/Source: [+info]

Abraços.

LPM/designer

Spray Anti-Embaçado

Garanto que você já passou pelo problema do espelho embassado. No banheiro isso é algo comum. Homem (pode não parecer) mas sofre com isso também. Sofre no sentido que precisa se barbear e invariavelmente nos deparamos com um espelho que embassa facilmente. Como precisamos da água quente para abrir os poros e facilitar o barbear, o vapor sobe da pia e se deposita no espelho bem diante do seu reflexo.

.

Por isso lanço a idéia de algum laboratório investir em um spray que impeça que o espelho fique embaçado. Quem sabe se for um que deixa levemente úmido o espelho, com uma camada microfina de… sei lá, silicone, vaselina, água, algo que seque facilmente com o tempo e que não distorça a imagem. O que importa é que falta alguém investir em desenvolver este produto, garanto que será um sucesso de vendas.

LPM/designer

PS.: Não se aproprie de idéias, associe-se com os inventores.